PROCURE TORNAR O AMBIENTE DA CRIANÇA MAIS SAUDÁVEL



- O bebê precisa de tranquilidade. Evite levá-los a lugares onde haja muita gente e muito barulho, como super mercados e shoppings.
- Não deixe que fumem dentro de casa. A fumaça faz mal para a criança. Se os pais fumam, não devem pegar o bebê logo após terem fumado.
_ Agasalhe a criança e deixe sempre as janelas abertas para arejar a casa. Evite usar produtos de limpeza com cheiro muito forte.
- Proteja a criança dos animais. Mesmo os que são de casa podem ter reações imprevisíveis.
- Não deixe os animais dormirem no mesmo ambiente que a criança.
- Para que seu filho ou filha cresça e se desenvolva adequadamente, é fundamental fazer o acompanhamento de saúde na unidade de saúde em que foi feita a matrícula.
- O acompanhamento de saúde na Unidade Básica de Saúde é importante para avaliar se o crescimento e o desenvolvimento de sua criança estão correndo adequadamente.
- Nessas consultas de rotina voçê pode esclarecer suas dúvidas sobre a saúde do seu filho ou filha.
- Os profissionais de saúde, nessas consultas, poderão também orientá-la sobre os cuidados necessários para que o seu filho ou filha tenha boa saúde.
O cronograma de visitas de rotina proposta pelo Ministério da Saúde para as crianças que não foram classificadas como de alto risco é o seguinte:
Primeiro mês, segundo mês, quarto mês, sexto mês, nono mês, 12 mêses, 18 mêses e 24 mêses.
A partir dos 2 anos de idade, as consultas de rotina podem ser anuais, proximas ao mês de aniversário.
EM TODAS AS CONSULTAS DE ROTINA, O PROFISSIONAL DE SAÚDE DEVE AVALIAR E ORIENTAR SOBRE:
- Aleitamento materno;
- Alimentação complementar;
- Peso, comprimento ou altura, perímetro cefálico (até 2 anos);
- Vacinas;
- Desenvolvimento;
- Cuidados de saúde;
- Prevenção de acidentes;
- Identificação de alterações na saúde.
É importante que o profissional de saúde anote as informações de cada consulta na Caderneta de Saúde da Criança, nos espaços próprios para isso.
Voçê pode acompanhar o crescimento e o desenvolvimento da sua criança pelo gráfico de peso e de altura e anotar o que ela já faz na parte de desenvolvimento.
FONTE: Caderneta de Saúde da Criança - Hospital da Mulher.

Postagens mais visitadas deste blog

O PODER DE CURA DO ALHO

COMO DESFIAR FRANGO CONGELADO NA PANELA DE PRESSÃO

DICAS DE CONGELAMENTO