Postagens

Mostrando postagens de Outubro 9, 2015

CALDO DE FRANGO CASEIRO EM CUBOS DE GELO

Imagem
Caldos em forma de cubos ou em saquinhos são muito práticos, além de adicionar sabor nas suas receitas. E quando feitos de forma caseira deixam tudo com um gosto ainda melhor. Aprenda como fazer um caldo de frango em cubos de gelo. Para fazer seu caldo de frango caseiro você vai precisar de 200 gramas de peito de frango e os legumes a sua escolha. Agora é necessário ferver tudo por 30 minutos. Neste momento, são três opções: para um caldo bem encorpado, coloque tudo no liquidificador e bata até o caldinho ficar na consistência que você quer. Depois, congele em copinhos ou forminhas de gelo. Para um caldo mais ralo, após bater tudo no liquidificador, será necessário coar e congelar o líquido. Se você quiser apenas o caldo encorpado de frango, retire os legumes e bata o frango com o caldo. Os caldos caseiros podem ficar congelados por um período de até um ano. Fonte:sadia.com.br

COMO DESFIAR FRANGO CONGELADO NA PANELA DE PRESSÃO

Imagem
Desfiar frango pode ser uma tarefa difícil e demorada. Principalmente se a carne estiver congelada. Por isso, se você tem um pouco mais de tempo para preparar sua refeição, sem perder tempo desfiando o frango, a panela de pressão pode ser sua aliada.
Comece o preparo lavando seu frango e depois temperando com sal, pimenta do reino e alho. Aqueça o azeite em uma panela de pressão e refogue uma cebola com sal, para que ela desidrate e fique caramelada.
Coloque os pedaços de peito de frango dentro da panela de pressão e adicione uma colher de molho de tomate mexendo aos poucos, apenas para incorporá-los ao preparo.
Cubra todo o frango com água e tampe a panela. Assim que pegar pressão, conte 15 minutos. Tire da pressão. É importante esperar que saia toda a pressão para não haver nenhum problema.
Destampe a panela e jogue a água na pia com a assistência de uma peneira, para que as partes soltas não se percam. Coloque novamente na panela e feche novamente. Balance-a com força por 3 …

CONGELE FRANGO SEM PERDER A QUALIDADE

Imagem
Congelar alimentos é algo comum para quem vive sozinho ou tem pouco tempo para realizar compras periodicamente. No caso do frango, é necessário seguir algumas regras para não perder nutrientes e muito menos ter que se desfazer dele. Uma das coisas mais importantes é saber que quanto menor a temperatura do congelamento, melhor será a retenção dos nutrientes. Congelar seu frango em baixas temperaturas evita a formação de grandes pedaços de gelo no interior do alimento e em suas fibras. Para manter a qualidade da carne, a temperatura ideal para o congelamento é -10ºC, por até seis meses. Caso você utilize o freezer, deve deixar em -12ºC. Sempre respeitando a data de validade do produto. No caso de descongelamento, seu frango deve ser preparado e consumido em um curto prazo, pois quanto mais tempo para o consumo, maior a probabilidade de deterioração. Lembre-se que após descongelado, o frango nunca deve ser congelado novamente. Ele poderá voltar ao freezer somente como prato pront…

TRANSFORME FRANGO E GELO EM UMA PIPOCA ESPECIAL

Imagem
Em um primeiro momento pode parecer brincadeira. Mas é possível deixar sua pipoca ainda mais saborosa adicionando peito de frango e gelo no preparo deste prato delicioso. Com um tempo médio de 60 minutos para preparar sua pipoca inovadora, você vai precisar de 800 gramas de peito de frango Sadia, suco de limão, um dente de alho picado, sal e pimenta do reino a gosto, meia xícara de chá de farinha de trigo, meia xícara de chá com água, 3 cubos de gelo e óleo para fritar. O molho, que faz toda a diferença no sabor, deve ser cozinhado com meia xícara de chá com maionese, 100 gramas de creme de leite e duas colheres de sopa com catchup. Você vai precisar de uma tigela para temperar o peito de frango Sadia com suco de limão, o alho, sal e pimenta. Depois deve reservar por alguns minutos. O segredo é dissolver a farinha de trigo na água, adicionar sal, pimenta e os cubos de gelo, mexendo até dissolver quase por completo. Agora é aquele momento importante onde os cubos de frango deve…

VINHO COM GELO E FRANGO

Imagem
Uma boa refeição é sempre acompanhada de uma bebida que harmoniza com o sabor do prato. Em muitos casos, uma garrafa de vinho é o ideal para acompanhar um frango preparado em uma ocasião especial. Mas cuidado com o gelo. Nem todo espumante precisa estar bem gelado. Muitas pessoas, ao servirem uma refeição acompanhada de vinho, colocam a bebida em um balde de gelo para manter ele em baixas temperaturas. Algo que é plausível, desde que esta escolha não seja por um vinho tinto. O balde de gelo, na verdade, é recomendado para gelar de forma rápida e eficaz, os vinhos brancos. E mesmo assim, é necessário tomar cuidado para não esquecer as garrafas por muito tempo mergulhadas no balde. Pois o importante nesta bebida é o frescor, não o congelamento. A temperatura ideal para vinhos brancos é entre 10° e 13°, dependendo da leveza de cada bebida. Deixá-los tempo demais no balde é perder o sabor, pois as papilas gustativas da língua ficarão adormecidas e a degustação do vinho prejud…

FRANGO CONGELADO MAIS GOSTOSO

Imagem
Existem muitas formas de cozinhar seu frango congelado. Aqui você confere algumas dicas para deixar ele ainda mais gostoso. Desde seu descongelamento, onde o gelo ajuda a manter suas vitaminas, até a forma mais fácil de deixar seu frango menos gorduroso. Para descongelar seu frango, deixe ele sozinho dentro de uma vasilha até toda água sair. Utilize a mesma água do degelo para cozinhar o frango, é ali que estão as suas vitaminas. Para deixar seu frango Sadia bem limpinho, passe farinha de mandioca em toda sua extensão, desde as coxas até o peito. Depois deixe secando por 5 minutos. Após esse processo, lave com água fria em abundancia. Para empanar frango com farinha, coloque-o na geladeira por uma hora. Desta forma, a farinha adere melhor ao frango na hora da fritura. E se você colocar uma colher de sopa de maisena no óleo de fritura bem quente, seu frango frito vai ficar dourado e sequinho, sem grudar na panela. Antes de temperar o frango, escalde-o com água fervente e su…

COMO APROVEITAR O FRANGO COM QUEIMADURAS DE GELO

Imagem
Quando congelado por muito tempo, o frango pode ficar com queimaduras de gelo. Para aproveitar sua carne, sem perder a qualidade, realize o seguinte processo. Para não deixar o frango desbotado e seco, examine ele, procurando pelas queimaduras. As partes afetadas provavelmente estarão um pouco diminuídas, com uma coloração meio cinza ou marrom. Se a carne do frango estiver muito queimada ou com mal odor, é importante descartar imediatamente. Nenhum condimento ou vinagre vai contrafazer o gosto e o cheiro da carne danificada. Caso o frango esteja em boas condições, descongele ele em um forno micro-ondas, corte as partes descoloridas e queimadas e use o resto em uma receita à sua escolha. Fonte:sadia.com.br

EVITE QUEIMADURAS DE GELO EM ASINHAS DE FRANGO

Imagem
Preparar asinhas de frango é algo fácil. Tanto que esse prato se tornou um aperitivo muito popular entre os brasileiros. Porém, embalados e armazenados adequadamente, esses pequenos pedaços podem sucumbir a queimaduras de gelo. Para evitar esse problema e proteger as asinhas de frango durante seu armazenamento em casa, realize procedimentos simples, porém de grande importância para economizar a longo prazo e a proteger as asinhas até que você esteja pronta para cozinhá-las. Comece o processo colocando as asinhas de frango em um escorredor e enxágue bem com água fria. Balance o escorredor para retirar o excesso de água. Depois seque cada asinha, uma por vez, com papel toalha até remover todo excesso de água. Coloque as asinhas de frango em saco plástico selado a vácuo, deixando de 2,5 a 5 cm de espaço do alto da embalagem. Coloque o saco selado dentro de uma sacola e a feche da mesma forma como realizou o primeiro processo. Isso ajuda a proteger todos os pedaços de asinha…

DESCONGELE FRANGO COM GELO SEM PERDER O SABOR

Imagem
Frango é um acompanhamento saboroso e saudável para qualquer refeição. Para descongelar ele de forma fácil e sem perder suas proteínas é necessário realizar este processo da forma correta. Aqui estão alguns passos para você fazer isso de uma maneira segura. Para não perder o sabor nem as proteínas do frango congelado, retire ele do freezer e coloque-o na geladeira. O local ideal é na frente da gaveta do fundo, evitando que sucos excessivos toquem outros alimentos do refrigerador. Se o frango já foi desembalado, coloque-o em um recipiente para que líquido não vaze. O tempo de descongelamento é muito importante, por isso, Coloque sempre um timer para não esquecer. A regra diz que 500g de frango levam 5 horas para descongelar na geladeira. Tenha em mente que descongelar todo o frango na geladeira pode levar mais de 24 horas. Então, planeje-se conforme esta estimativa. Remova o frango da geladeira quando tiver certeza que ele está completamente descongelado. Ele não estará ma…

BRUSCHETTA

Imagem
Com casquinha crocante, miolo macio e temperadinho, uma tentação... Aprenda a preparar este antepasto
A irresistível bruschetta (pronuncia-se “brusqueta”) é originária da Itália, especificamente das regiões do Lazio e de Abruzzo. Considerada um dos antepastos mais populares e gostosos do país, foi criada pelos trabalhadores rurais como uma forma de aproveitar o pão amanhecido. O costume era untar a fatia de pão com azeite, esfregar alho na superfície e polvilhar sale pimenta-do-reino. Em seguida o pão era tostado na grelha até ficar crocante (daí o nome, já que bruscato, em italiano, significa tostado ou torrado). Ficou com água na boca? Então arregace as mangas e conheça os segredos da bruschetta nota 10!

- Escolha o pão ideal: A receita clássica é feita com uma fatia de pão italiano rústico, de farinha escura e grossa e de casca dura. Assim, depois de grelhada, ela ficará firme por fora, porém o miolo permanecerá úmido e tenro.

- Não exagere no recheio: Pode-se garantir…

CUPCAKE

Imagem
Da massa básica aos truques de decoração, descubra os passos para preparar estes lindos bolinhos
Todo mundo se derrete diante dos cupcakes. E não é para menos! Eles são lindos, fofos e saborosos! Roubam a cena em casamentos, batizados, aniversários (de crianças e adultos) e em qualquer outra ocasião que envolva gastronomia e bom gosto. E o sucesso é tanto que agora os minibolos têm sido usados como forma de presentear as pessoas queridas. Charmosos e fáceis de fazer, basta soltar a imaginação e criar diferentes combinações de massas e coberturas. Confira!

A origem do cupcake
Ele nasceu no Reino Unido, por volta do século XIX, onde ficou conhecido como fairy cake (bolo das fadas). Acredita-se que quando chegou aos Estados Unidos, passou a ser chamado de cupcake. Naquela época os pequenos bolos eram cozidos em copos de cerâmica individuais. Existe ainda outra teoria que defende que o nome "cup" não advém apenas das formas em que eram assados, mas também da maneira d…

COMO CONGELAR FRUTAS

Imagem
Que tal poder saborear a sua fruta preferida em qualquer época do ano, e não apenas na sua safra? O segredo é congelar! Mas, para conservar sabor, cor, textura e nutrientes, mesmo em baixíssimas temperaturas, é importante seguir alguns passos. Primeiro, você deve escolher frutas firmes e maduras, sem marcas ou machucados aparentes. Depois, é preciso lavá-las em água gelada, retirando cabinhos e folhas. Na sequência, você vai prepará-las para o consumo. Veja quatro boas possibilidades:

- Frutas com açúcar: Coloque as frutas lavadas em um recipiente e polvilhe o açúcar. Espere até que ele se dissolva. Em seguida, tampe a vasilha e leve ao congelador.

- Frutas em calda: Em uma panela, junte água e açúcar em proporções iguais. Leve ao fogo e deixe ferver. Para as frutas que escurecem facilmente, como a maçã e a pera, acrescente uma colher (sopa) de suco de limão. Coloque as frutas em um recipiente e cubra-as com a calda. Quando esfriarem, tampe a embalagem e congele.

- Frutas …

TRUQUES PARA COZINHA

Imagem
Com algumas sugestões simples e fáceis, você pode tornar o dia a dia na cozinha mais prático e ágil. Assim, você prepara receitas deliciosas para sua família sem passar horas e horas à beira do fogão. Confira!
Temperinho sempre à mão Para economizar tempo, amasse dentes de alho com sal e guarde a mistura em um pote bem fechado na geladeira. Assim, quando você precisar, ele já estará pronto. E, para facilitar o trabalho de descascar, deixe os dentes de alho de molho em água durante 10 minutos antes de usar. As casquinhas se soltarão facilmente e você não ficará com cheiro nas mãos.
Caldo caseiro de legumes ou de carne Prepare-o como de costume: em uma panela, junte a água e os legumes, ou a carne, e deixe que ferva bem. Depois, coe o caldo obtido e leve para congelar em forminhas de gelo ou copinhos descartáveis de café. Quando solidificarem, retire as pedrinhas de caldo e armazene-as em saquinhos plásticos no freezer. O caldo fica fresquinho e facilita a vida na hora de prepar…

BEIRUTE

Imagem
Pão sírio crocante, rosbife, queijo mussarela e tomate cortado em rodelas bem fininhas. A receita original ainda leva záhtar (ou zaatar), um tempero árabe de sabor picante à base de tomilho e gergelim. Esses são os ingredientes do autêntico beirute, um sanduíche delicioso, porém muito simples, criado em São Paulo na década de 1950 por dois irmãos de ascendência síria. Proprietários de uma extinta lanchonete na cidade, eles teriam sido os primeiros a prepará-lo. Com criatividade, a dupla substituiu o pão de forma pelo sírio num dia de grande movimento – e assim nascia esse delicioso sanduíche!
Varie o sabor No mesmo pão sírio você pode inventar diversas variedades de beirute, uma mais gostosa que a outra. Substitua o rosbife, por exemplo, por presunto, copa, mortadela, peito de peru defumado ou até hambúrguer. Em vez de mussarela, que tal colocar queijo prato, e substituir o zahtar por pitadas de orégano? Vinagrete, creme de milho ou fatias de bacon também deixam o beirute a…

CACHORRO QUENTE

Imagem
O famoso pão com salsicha, também conhecido como hot dog, faz sucesso em barraquinhas por todo o mundo. Fique por dentro da origem desse sanduíche, que agrada crianças e adultos, e confira os truques para deixar sua receita mais saborosa.
A história Dizem que o cachorro-quente surgiu na Alemanha, no século XIX. Reza a lenda que o açougueiro e produtor de linguiças Johann Georghehner batizou a receita em homenagem a seu cãozinho da raça bassê. Mas foi nos Estados Unidos que o cachorro-quente ganhou popularidade. Em Nova York, por exemplo, é comum encontrar carrinhos de hot dog pelas ruas. Por lá, eles são acompanhados de cebola, chucrute (conserva de repolho) e mostarda, costume, por sinal, parecido com o alemão. No Brasil, o cachorro-quente tornou-se popular na década de 1940, com a vinda de norte-americanos para as bases militares durante a Segunda Guerra Mundial. A partir de então, o sanduíche se tornou uma das preferências nacionais. Em festinhas infantis, lanchonetes e …

COMO PREPARAR UM HAMBÚRGUER

Imagem
Um disco de carne macio, suculento e delicioso, grelhado ou assado. Geralmente é servido entre duas fatias de pão fofo. O hambúrguer é assim: simples, saboroso e irresistível. Conheça um pouco mais sobre essa maravilha e veja como preparar um incrível sanduíche!
A história  Quem imagina que o hambúrguer foi criado pelos americanos está enganado. Na realidade, os americanos só conheceram essa delícia por volta da segunda metade do século XIX, levada por imigrantes alemães embarcados no porto de Hamburgo – razão pela qual o seu primeiro nome no Novo Mundo foi hamburg steak. Naquela época, tratava-se de uma comida rústica, apreciada principalmente por marinheiros, que aproveitavam o pedaço de carne entre duas fatias de pão para matar a fome enquanto trabalhavam.
Hambúrguer perfeito - Acerte na escolha do pão: ciabata ou italiano formam uma saborosa combinação. Mas, se a ideia é seguir a receita tradicional, o pão estilo americano, redondo e fofo, é a melhor escolha. Para que ele …

DIFERENTES TIPOS DE AÇÚCARES E SUAS UTILIZAÇÕES

Imagem
O refinado é o mais comum, presente na maioria dos açucareiros das mesas dos brasileiros. Mas certamente você já topou com os outros tipos de açúcares no mercado. Na lista, é possível encontrar o cristal, o de confeiteiro, o mascavo, o light e o orgânico. A diferença entre eles está no processo de produção, que interfere na sua cor, textura, quantidade de vitaminas, minerais e teor calórico, e também na sua forma de utilização. Confira! 
Açúcar de confeiteiro: Mais homogêneo e com grãos superfinos, é indicado para o preparo de chantilly, coberturas e glacês. Trata-se de um açúcar bem fininho, semelhante a talco de bebê!
Açúcar cristal: Em seu processo de fabricação ele passa por menos etapas e, por isso, é composto por cristais grandes, transparentes ou levemente amarelados. Possui praticamente as mesmas propriedades do açúcar refinado (veja abaixo). É indicado principalmente para o preparo de compotas e geleias, deixando-as com a aparência brilhante e apetitosa. Também po…

BENEFÍCIOS DA COMIDA EM VAPOR

Imagem
Quem quer manter uma alimentação saudável deve ficar atento à forma de preparo das receitas. Uma excelente alternativa é cozinhar os alimentos no vapor. Dessa forma você não precisa acrescentar gordura e ainda assim elabora uma refeição muito saborosa e mais saudável!

Quando cozidos na água, ingredientes como brócolis, couve-flor, vagem, espinafre e cenoura podem perder parte de seus nutrientes no líquido. Um desperdício! Além disso, eles podem amolecer demais e ficar mais pálidos. Porém, quando preparados no vapor, eles mantêm a cor viva, preservam mais os nutrientes e ainda ficam crocantes e saborosos.

O equipamento necessário
Se você ainda não tem uma panela própria para preparar alimentos no vapor, aqui vai uma dica. Pegue uma panela larga e funda e um escorredor de macarrão ou uma peneira de alumínio que se encaixe na “boca” da panela. Essa forma de cozimento é tão prática que você pode cozinhar vários alimentos ao mesmo tempo. Quer um exemplo? Você pode colocar no f…

DICAS E TRUQUES PARA COZINHA

Imagem
Algumas dicas podem facilitar, e muito, o trabalho na cozinha. Aprenda como picar cebola sem chorar, tirar a casca do tomate com facilidade e outros ótimos truques

Se há uma coisa que irrita uma dona de casa é quebrar um ovo estragado durante o preparo de uma receita. Mas com as dicas abaixo você evita esse problema e ainda facilita a rotina na cozinha.

Ovo fresquinho
Para evitar imprevistos, antes de quebrar um ovo coloque-o dentro de um copo com água com a ponta voltada para baixo. O ovo fresco é pesado e afunda no copo. Já o estragado, boia. Então, nem perca tempo em abri-lo: descarte-o imediatamente. E sempre que preparar uma receita, abra o ovo separadamente – em uma xícara, por exemplo – e junte-o ao restante dos ingredientes depois de verificar que ele está bom.

Salsinha sem umidade
Essa é uma erva que dá sabor e charme aos pratos. Mas para usá-la, seja com a folha inteira ou picada, ela deve estar bem seca. Para isso, lave bem o maço de salsinha e retire as folhas d…