APROVEITE MELHOR A CONSULTA MÉDICA


Anote antes o sintomas e leve exames anteriores. Essas atitudes ajudam o médico a dar um diagnóstico mais preciso.
Muita gente ainda treme na base quando pensa em ir ao médico. Além da vergonha de tirar a roupa diante de um estranho, o consultório é um local em que voçê tem de ser honesta sobre problemas íntimos. Isso sem falar na rapidez da consulta que, ás vezes, demora meses para ser agendada, não é?
Por outro lado, voçê precisa aproveitar muito bem esse momento tão importante, de cuidar de sua saúde. A dica vale também para a judar alguém da família.
Gabriel Spriker, pdeiatra da Santa Casa de São Paulo, explica que levar exames anteriores e dar respostas objetivas sobre a doença facilitam o diagnóstico. "Quanto mais detalhes a paciente der, melhor", diz.
07 MANEIRAS DE OBTER UM TRATAMENTO NOTA 10
01 - FAÇA UMA LISTA DOS SINTOMAS
É comum que a pessoa esqueça de algo quando está diante do médico. por isso, faça em casa uma lista de tudo que está sentindo. Anote também suas dúvidas em relação á esses sintomas. Em caso de dor, informe como ela é, onde dói, quando começou e quando fica pior.
02 -LEMBRE-SE DE DOENÇAS ANTERIORES
Faça uma relação dos problemas de saúde que voçê já teve, incluindo os dainfância. Fale também de tratamentos e cirurgias realizados. Em alguns casos, as doenças podem ter ligação.
03 - CONHEÇA SEU HISTORICO FAMILIAR
Reúna o máximo de informações possíveis sobre doenças na família, incluindo mãe, pai, filhos, irmãos, avós, tios e primos. Isso porque o médico precisa conhecer os problemas hereditários que voçê pode ter. Esse histórico familiar o ajuda a avaliar melhor os riscos de doenças como diabetes, pressão alta, trombose, depressão e câncer, entre outras.
04 - ANOTE OS REMÉDIOS
Se voçê toma alguma medicação, em especial de uso contínuo, diga o nome do remédio e qual a dosagem usada. Para não se confundir, leve na consulta a bula ou a embalagem do medicamento.
05 - VÁ ACOMPANHADA
Se há suspeita de doenças mais sérias convide alguém para acompanhar voçê. Em situações assim, muitos pacinetes ficam nervosos e deixam de registrar informações importantes. E não abra mão de uma companhia se a consulta for seguida de um exame em que voçê precise ser sedada.
06 - NÃO VÁ EMBORA COM DÚVIDAS
Peça ao médico para explicar tudo sobre a doença: qual é a causa, que consequências pode ter para sua saúde, se tem cura, quanto tempo levará para que os sintomas desapareçam. Se ele começar a usar palavras difíceis, não tenha vergonha de pedir uma explicação mais simples.
07 - EXIJA UMA RECEITA LEGÍVEL
Voçê sabia que, de cada quatro pacientes um não entende o que o médico escreveu e acaba comprando o remédio errado? Isso foi o que revelou um esrudo da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Na dúvida, peça ao doutor que soletre o nome do medicamento.
DIGA TUDO NÃO ESCONDA NADA
O médico é, antes de tudo, um profissional. Então, não tenha vergonha ao falar de sua vida. " O pacinete deve contar tudo, por mais difícil que seja. Uma informção não revelada pode comprometer o diagnóstico e até a cura da doença", diz Marco Antoni Lenci, ginecologista do Hospital do Servidor Público do Estado de São Paulo.
INFOMAÇÕES QUE VOÇÊ DEVE REVELAR
01 - Diga se voçê é alergica a algum medicamento ou substância química. Se não sabe, exija um teste antes de passar por um tratamento com iodo ou penicilina, por exemplo.
02 - Não tente "camuflar" os seus vícios.Osuso de cigarro, drogas e álcool deve ser mencionado.
03 - No ginecologista, diga se voçê toma anticoncepcionais. Também é importante contar se passou por um aborto, espontâneo ou não.
04 - Caso voçê não tenha uma relação amorosa estável, diga se usa camisinha ou não.
05 - Alguns adolescentes consomem anabolizantes, para ficar mais musculososo. Se o seu filho toma, não esconda esse dado, em especial do cardiologista.
06 - Fale sobre seus sentimentos e relate qualquer sinal que possa estar relacionado a uma possível depressão.
07 - Fique atenta quando seu marido for ao cardiologista. É muito importante dizer ao médico se voçês usam Viagra ou remédios similares.
FONTE: Revista Ana Maria.

Postagens mais visitadas deste blog

O PODER DE CURA DO ALHO

COMO DESFIAR FRANGO CONGELADO NA PANELA DE PRESSÃO

DICAS DE CONGELAMENTO